Karen Bartolomeu: Caspas, Como se Livrar desse Mal?

Caspas, Como se Livrar desse Mal?


   Olá! Hoje vim falar sobre algo que incomoda muita gente, não apenas pela coceira e o mal que faz ao couro cabeludo e ao cabelo, mas como pelo sentido estético, já que é horrível vestir uma roupa e ter que se deparar com vários pontos brancos nela. Estou falando das caspas. 

   A caspa é resultado da descamação no couro cabeludo, causada pelo excesso de produção do óleo pelas glândulas sebáceas. O problema pode ter origem tanto genética como alterações hormonais ou estresse, assim como clima seco e mudanças bruscas de temperaturas. E mais: a caspa atrai fungos! Sua proliferação causa ainda mais irritação no local. Em situações extremas, a dermatite surge em sobrancelhas, maçã do rosto e entre os seios.


   Não há uma cura definitiva, mas pode-se tentar o controle das caspas. A primeira coisa a se fazer é comprar um shampoo com ação anticaspa, pois esses produtos funcionam por terem em sua composição princípios ativos que diminuem a divisão celular. Em casos de descamação forte, o dermatologista pode receitar medicamentos via oral. Mas cuidado, pois quando se interrompe os cuidados, a caspa costuma voltar.

   Vamos a alguns mitos e verdades sobre as caspas::
  1) Lavar a cabeça todos os dias pode causar caspa. MITO: Os especialistas observaram três fatores principais que podem facilitar a presença: suscetibilidade genética, sebo (óleos presentes naturalmente e que servem de "alimento" ao fungo causador da caspa) e o fungo propriamente dito, o Malassezia globosa. Outras condições prováveis para desencadear o aparecimento da caspa são alterações hormonais, estresse, clima seco, e mudanças bruscas de temperatura.
  2) Escova progressiva pode provocar o surgimento da caspa. MITO: Algumas pessoas podem apresentar irritação no couro cabeludo, provocada pelo uso do produto. Essa irritação causa descamação da região, que pode ser confundida com a caspa.
   3) A caspa pode ser combatida simplesmente com o uso de xampus. DEPENDE: Isso depende do grau de intensidade da doença. Quadros mais leves podem ser tratados com o uso de xampus e condicionadores anticaspa com sucesso. Em casos mais avançados, é essencial a consulta a um especialista, para que ele avalie e recomende o melhor tratamento para combater o problema.
   4) A caspa só aparece em adultos. MITO: Em geral, a caspa está associada à produção hormonal. A Dra. Denise Steiner explica que os bebês podem tê-la porque a mãe pode passar hormônio para eles através da placenta. Mas é na puberdade que a produção de sebo começa com intensidade. "Nas pessoas predispostas à caspa, essa condição pode levar ao surgimento da doença", esclarece a médica.
   5) Pessoas com cabelo oleoso têm maior probabilidade de desenvolver o problema. VERDADE: O cabelo oleoso, por produzir uma quantidade maior de óleo, é propício para o aparecimento da doença . "Ainda que o problema esteja associado ao couro cabeludo oleoso, indivíduos com o cabelo seco podem ter caspa quando houver predisposição genética e forem submetidos a estresse, uso de remédios, entre outros fatores", afirma a Dra. Denise Steiner.
   6) A falta de higiene pode desencadear a condição. MITO: A falta de higiene não é um fator condicionante para que apareça a caspa. "No entanto, a falta de higiene da pessoa pode estimular a produção de oleosidade, um dos principais fatores associados ao desenvolvimento da doença", aponta Steiner.
    7) Caspa e dermatite seborreica são a mesma coisa. MITO: A caspa é uma manifestação mínima da dermatite seborreica. Porém ambas as condições têm algo em comum: o fungo Malazzesia globosa. A dermatite seborreica, às vezes, vem acompanhada de eritema e tem sintomas mais intensos.
   8) A caspa é contagiosa. MITO: A caspa não é contagiosa, pois o surgimento da condição depende da predisposição individual e de outros fatores combinados (estresse, cansaço, mudança de temperatura, excesso de oleosidade). Ainda que a quantidade do fungo Malassezia globosa esteja aumentada nas pessoas com caspa, ele não é transmitido de uma pessoa para outra.
  9) A caspa pode gerar calvície. DEPENDE: A caspa não é responsável pela calvície. A calvície está associada à predisposição genética. No entanto, a inflamação constante do couro cabeludo, como a provocada pela caspa, coopera para o agravamento da calvície.
  10) Não há cura para a caspa. VERDADE: A caspa só pode ser controlada e o tipo de tratamento varia conforme a gravidade do problema. Casos mais severos devem ser tratados sob a orientação de um dermatologista. Quadros mais leves podem ser controlados com o uso regular de um sistema de tratamento que alie xampu e condicionador específicos.
 11) A mulher que tinge o cabelo não tem caspa. DEPENDE: A tintura de cabelo costuma ressecar o couro cabeludo, diminuindo a produção do sebo. Por um lado, isso, de forma indireta, pode melhorar o quadro da doença em pessoas predispostas a ela, já que o fungo Malassezia globosa se beneficia de um couro cabeludo oleoso.
 12) A alimentação influencia o aparecimento da caspa. VERDADE: A dieta é importante. Alimentos com muito açúcar podem favorecer a resistência à insulina e estimular indiretamente mais oleosidade. Além disso, o zinco é conhecido por sua ação antisseborreica, especialmente em pessoas com deficiência do mineral. A deficiência do zinco está associada à maior tendência à dermatite seborreica.
  Receitas que ajudam a esfoliar o couro cabeludo, limpando e até dando brilho aos cabelos oleosos:
  RECEITA 1
   Ingredientes:
  • 1 colher (chá) confrei;
  • 1 colher (chá) alecrim;
  • 1 colher (chá) urtiga
  • 200 g de hamamélis
   Obs.:As ervas podem ser frescas ou secas.
  Misture todos os ingredientes e deixe em infusão por 5 dias antes de usá-la. Após esse tempo, massageie o couro cabeludo após a lavagem dos cabelos, deixando agir por alguns minutos e então enxágue, preferencialmente com água fria.
   RECEITA 2
   Ingredientes:
  • 150 ml de água
  • 50 ml de tintura de urtiga
   Prepare uma loção com os ingredientes e aplique no couro cabeludo com um chumaço de algodão. Deve ser usada apenas a cada duas ou três lavagens.
    RECEITA 3
    Ingredientes:
  • 4 colheres (sopa) de chá de tília;
  • 500 ml de água.
    Misturar os ingredientes e aplicar após a lavagem dos cabelos.
   RECEITA 4
   Misturar 2 gotas de cada um dos seguintes óleos: limão, cedo e alecrim  à 1 colher (sopa) de óleo de amêndoas. Aplicar no couro cabeludo, massageando-o e enxaguar após 2 horas.
   RECEITA 5
   Prevenindo a caspa e outros males…
   Coloque um punhado de cada uma das seguintes ervas numa vasilha: urtiga, sálvia e alecrim. Junte água quente. Quando a mistura esfriar, despeje-a sobre o cabelo molhado. Deixe agir durante 15 minutos e enxágue, de preferência com água fria. Essas ervas, além de prevenirem caspa, também inibem o aparecimento de cabelos brancos, aliviam irritações do couro cabeludo e reduzem a perda de cabelo.
  Além disso tudo, algo é essencial: Mude os hábitos.
  Para começar, lave o cabelo todo dia em água morna (mais para fria), para que as escamas não se acumulem, e seque com o secador. Na hora de lavar, não use a unha, apenas a polpa do dedo. Também não é legal mexer nos fios o tempo todo. Se você já tem oleosidade em excesso, seguir uma alimentação gordurosa e rica em açúcar pode piorar o caso. Sempre que possível, vá para o sol (da manhã ou do fim da tarde), que é um anti-infl amatório natural. Mas não abuse. Em excesso, o efeito é o contrário.
   E aí, gostaram? Alguém sofre desse mal?
  Não deixe de comentar e nem de participar da pesquisa de público localizada na lateral direita do blog.
  Um beijo!

33 comentários:

  1. Ainda bem que não tenho esse problema, mas meu marido... rs

    Beijos,
    Blog da Dressa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, eu também tenho raramente, mas meu noivo... ahahahah Beijos

      Excluir
  2. Amei as dicas
    muita coisa eu nao sabia!
    Beijos
    www.jessicarcoelho.com

    ResponderExcluir
  3. Excelentes dicas! Eu por acaso nunca tive esse problema!
    beijinhos
    http://direitoporlinhastortas-id.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  4. MUITO bacana o post cheio de informaçao e dicas! as vezes tenho caspa e um shampoo especifico costumar resolver mas pra mim nao é um problema recorrente

    www.tofucolorido.blogspot.com
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  5. Oi Karen, principalmente homens é quem sofrem de caspa, não é? E eles nem se importam!
    Quando fico muitos dias sem lavar o cabelo elas aparecem, me dá a maior aflição!
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina e não é? Meu noivo tem caspa demais! Agora que está começando a se importar! Eu também sou assim..quando fico muito tempo sem lavar elas aparecem e é horrivel mesmo! ahaha beijoos

      Excluir
  6. Ainda bem que não sofro disso! Deve ser chato demais, né? Ótimas dicas :)
    Beijos,
    Julie | http://www.juliechagas.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E é viu.. de vez em quando eu sofro. Obrigada! beijos

      Excluir
  7. Eu tenho um grande problema com caspas, genteee achava que progressiva causava porque sempre que faço fica uma grande quantidade, kkk adoro saber dos mitos e as verdades.Beijos

    www.brendacaroline.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahahahahahahah tá vendo? Pode continuar usando ahahahha Um beijo

      Excluir
  8. Eu graças a Deus não sofro com caspas..!
    mas é sempre bom previnir ne!
    amei as dicas :)

    beijinhos >.<

    http://blogmocamodernatp.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom minha linda porque é muito ruim! ahahah Obrigada! Beijos

      Excluir
  9. Caspa é horrível, quem sofre mais são sempre cabelos mais oleosos...
    Mas adorei as dicas e as receitinhas, super 10!
    Bjkas flor
    Blog Renata Arpini

    ResponderExcluir
  10. Oii linda,tudo bem? Espero que sim!
    Adorei a dica e as explicações. Depois de passar uma tinta vencida, não consigo me livrar dessa descamação. Agora vou fazer essas receitas e rezar para funcionar.

    Beijos e obrigada pela sua visita no meu blog.

    www.makeuparte.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jura? Tomara que você consiga se livrar! ahaha Beijoos

      Excluir
  11. Super informativo, adorei as dicas e saber um pouco mais. Infelizmente eu tenho e é genético, aqui em casa todos tem :'( e os xampus não resolvem!!
    Beijos ♡
    Blog: http://carolbrasileiro.com.br/
    Fan Page: facebook/blogcarolbrasileiro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, menina, é horrivel né? Só com tratamento mesmo. Um beijo

      Excluir
  12. Com certeza cabelos oleosos ajudam a ter caspa, eu já tive por causa da oleosidade. Muitas coisas aí eu não sabia, adorei o post, super informativo. o/

    www.nahboa.com

    ResponderExcluir
  13. Hmmmm, eu tenho um pouquinho já que meu cabelo é bem oleoso.

    http://cheiadepapo.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  14. Sim... esse é um dos meus problemas, comprei agora um shampoo para cabelo oleoso e to sentindo um pouco a diferença... legal que ele é a base de alecrim kkkkk e vi que isso estava em uma das suas receitas =D beijos

    baladecaramelo.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agora você pode fazer sua propria receitinha ahahahahahaha Um beijoooo

      Excluir
  15. Estou lutando contra as caspas a mais de dois anos seguidos, vou tentar fazer umas dessas receitinhas, obrigada pela dica.
    Beijão ????)?
    /(.”)__?
    /||\
    _||_
    http://esmaltesdedivas.blogspot.com.br/2014/09/lingerie-sexy.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, menina. É bem dificil se livrar. Mas seguindo as dicas corretas você vai conseguir sim. Um beijo!

      Excluir
  16. Olá...
    Adorei o seu post...
    Ótimas dicas...
    Até, mais...
    JaqueVirtual.
    http://jaquevirtual.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito importante!